Oscar Niemeyer

WhatsApp Image 2021-04-14 at 16.04.58 (1)
História de Brasília

Oscar Niemeyer

O ARQUITETO DA HISTÓRIA DA CONSTRUÇÃO DE BRASÍLIA

Ao visitarem Brasília, os turistas se impressionam com a imponência dos monumentos que fazem parte do roteiro de visitações aos pontos turísticos da capital federal. Sob admiração e empolgação ao visualizarem os cenários brasilienses, é conseqüente o desejo de descobrir quem idealizou as verdadeiras obras de arte que se concretizaram por meio de suas construções. Então começam a estudar a trajetória de um arquiteto que foi conhecido e respeitado internacionalmente por seus trabalhos modernos, ao constarem que foi eternizado nas linhas da história ao assinar as autorias de tais idealizações, as quais consistem em grande parte da estrutura monumental da capital do Brasil. Trata – se de OSCAR NIEMEYER, o arquiteto que atuou por cerca de 50 anos na minuciosa e dedicada idealização do cartão postal de Brasília para o mundo.

Oscar Niemeyer Soares Filho, nasceu dia 05 de Dezembro de 1907, na cidade de Laranjeiras, no estado do Rio de Janeiro. Em 1929, entrou para a Escola Nacional de Belas Artes no estado em que nasceu, onde concluiu a arquitetura em 1934.

Casado com Anita Baldo durante 76 anos, ficou viúvo em 04 de Outubro de 2004. Dois anos depois, casou – se com sua secretária Vera Lúcia Cabreira de 60 anos. Teve uma filha – Anna Maria, que lhe deu cinco netos, treze bisnetos e quatro trinetos.

INÍCIO DA CARREIRA DE NIEMEYER

Dois anos após sua formação como arquiteto, Oscar Niemeyer foi designado a colaborar com o arquiteto franco suíço Le Corbusier – idealizador da arquitetura moderna na Europa, que estava projetando o Ministério da Educação e Saúde (atualmente denominado Palácio Gustavo Capanema). A partir desse período sua experiência foi sendo construída, assim como seus relacionamentos profissionais.

Em 1939, junto com Lúcio Costa – arquiteto e urbanista parceiro de muitos anos, projetou o pavilhão brasileiro da Feira Internacional de Nova Iorque.

No ano seguinte, ao conhecer Juscelino Kubitschek, na época prefeito de Belo Horizonte – MG, realizou seu 1º grande projeto: o Conjunto Arquitetônico para Pampulha, no bairro da capital mineira. Foi daí que se iniciou a conexão do arquiteto com a construção de Brasília. Juscelino Kubitschek, posteriormente atuando como presidente brasileiro, encomendou o projeto para a construção da capital do Brasil na região Centro Oeste, no interior do estado de Goiás.

Um sonho e grande desafio para Niemeyer foi sua missão na época, pois idealizar um belo e qualificado trabalho para sediar a capital do país, transferindo – a do Rio de Janeiro para a região central, local onde residia e tinha ciência que contava com a beleza de seu estado, era totalmente inovador. Mas tudo ocorreu com grande êxito, como se pode visualizar e tomar ciência ao longo de toda a história registrada. A cronologia de suas atuações permitem evidenciar o êxito de sua trajetória.

CRONOLOGIA DAS PRINCIPAIS OBRAS NACIONAIS DE OSCAR NIEMEYER

DATA OBRA LOCALIDADE
1936 Ministério da Educação e Saúde Observação: Colaboração com o arquiteto Le Corbusier Rio de Janeiro
1937 Obra do Berço ( 1ª obra a ser construída de Oscar Niemeyer ) Rio de Janeiro
1938 Grande Hotel de Ouro Preto Rio de Janeiro
1940 Conjunto de Pampulha Belo Horizonte – MG
1947 Conjunto Lagoa Rodrigo de Freitas Rio de Janeiro
1951 Conjunto Ibirapuera São Paulo
1955 Fundação Getúlio Vargas Rio de Janeiro
1957 Palácio da Alvorada Brasília
1958 Catedral de Brasília Brasília
1958 Congresso Nacional Brasília
1958 Palácio do Planalto Brasília
1958 Supremo Tribunal Federal Brasília
1958 Teatro Nacional Brasília
1976 Memorial JK Brasília
1976 Teatro Municipal do Rio de Janeiro Rio de Janeiro
1983 Sambódromo do Rio de Janeiro Rio de Janeiro
1985 Tribunal de Justiça do R J Rio de Janeiro
1987 Memorial da América Latina São Paulo
1986 Urbanização do Parque Tietê São Paulo
1991 Palco do Cristo Redentor Rio de Janeiro
1997 Museu de Arte Moderna de Bsb Brasília
1997 Centro de Convenções do RJ Rio de Janeiro

CRONOLOGIA DAS OBRAS INTERNACIONAIS DE OSCAR NIEMEYER

DATA OBRA LOCALIDADE
1939 Pavilhão Brasileiro na Feira Mundial em Nova Iorque Nova Iorque
1947 Organização das Nações Unidas Nova Iorque
1954 Museu de Artes Modernas de Caracas Venezuela
1954 Conjunto de Edifícios para o Bairro Hansa Berlim
1968 Mesquita de Argélia Argélia
1972 Centro Cultural de Le Havre França
2011 Centro Niemyer Alemanha

As habilidades como arquiteto, que se caracterizavam pelo uso de vidro, aço e curvas acentuadas em suas obras, se fazem presentes em várias áreas de suas atuações. Além de suas criações arquitetônicas, Oscar Niemeyer também editou revistas, destacando: ” Módulo “ e escreveu 12 livros, destacando: “ A Forma na Arquitetura “ e “ As Curvas do Tempo – Memórias “.

Os 105 anos vividos por esse arquiteto de meteórica carreira reconhecida nacional e internacionalmente, são marcados por contínuos trabalhos realizados até os seus últimos dias.